Blog / Notícias, dicas e todas informações do Programa.

Reaproveite as sobras!

quinta-feira, 25 de junho de 2015

shutterstock_112015850

Alguns requisitos tanto para as sobras quentes, quanto para as frias, são importantes no momento de reaproveitar alimentos para evitar o desperdício e manter o alimento em perfeito estado, ou seja, seguro para o consumo.

 

Em relação às sobras quentes, que ficam nos balcões com temperaturas controladas e expostas dentro do prazo determinado na lei, devem ser:

  • Reaquecidas a 74⁰C e mantidas a 65⁰C ou mais para serem servidas, por no máximo 12 horas;
  • Reaquecidas a 74⁰C e, quando atingirem 55⁰C na superfície, devem ser resfriadas a 21⁰C em 2 horas, devendo atingir 4⁰C em mais 6 horas, para serem reaproveitadas, no máximo, 24 horas;
  • Na conduta anterior, após atingirem 55⁰C, podem ser congeladas, seguindo-se os critérios de uso para congelamento;
  • Alimentos que sofreram tratamento térmico e serão destinados à refrigeração devem ser armazenados em volumes ou utensílios com altura máxima de 10 cm, devendo ser cobertos quando atingirem a temperatura de 21⁰C ou menos.

 

Quanto às sobras frias, que ficam dentro dos critérios de segurança nos balcões sob refrigeração pelo tempo determinado na lei, devem ser:

  • Refrigeração de modo que a temperatura interna do alimento atinja 4⁰C em 4 horas, podendo ser utilizadas por, no máximo 24 horas;
  • Também podem ser reaproveitadas para pratos quentes, devendo ser levadas à cocção a 74⁰C e mantidas a 65⁰C para distribuição por, no máximo 12 horas;
  • Após atingirem 55⁰C, devem ser resfriadas a 21⁰C em 3 horas  e atingirem 4⁰C em mais 6 horas, devendo ser mantidas nessa temperatura para reaproveitamento, como pratos quentes, por no máximo 24 horas.

 

Realizando os procedimentos adequados, as refeições oferecidas pelo seu estabelecimento estarão dentro das normas da lei e ainda saborosas e seguras para o consumo da população.

Fique sempre de olho. A saúde deve estar sempre em primeiro lugar!

Voltar