Blog / Notícias, dicas e todas informações do Programa.

Mitos e verdades sobre contaminação de latinhas

segunda-feira, 3 de março de 2014

latinhas

 

Inúmeras notícias são divulgadas nos meios de comunicação a respeito da contaminação de latas de alumínios, mas o que pouca gente sabe é que a superfície de alumínio, íntegra e higienizada corretamente, não oferece condições adequadas para a sobrevivência de micro-organismos.

 

No entanto, vale lembrar que o risco de contaminação por meio do consumo de bebidas envasadas em latas de alumínio pode estar associado, principalmente, às condições de higiene do local de armazenamento e da manipulação das latinhas durante todo o processo de transporte e distribuição do produto.

Um estudo feito por estudantes da Universidade de Taubaté mostrou que mais de 90% das latinhas analisadas estavam contaminadas com bactérias, um pouco mais de 60% contaminadas por fungos e quase 35% estavam contaminadas com coliformes fecais, que podem causar doenças.

 

Outros estudos afirmam que a quantidade de micro-organismos presentes na superfície das latinhas não apresentam riscos, pois estão dentro dos limites estabelecidos pela Organização Pan-americana de Saúde (OPAS).

 

Ainda assim, em algumas situações o sistema imunológico pode estar deficiente e não consegue se defender de vírus e bactérias, mesmo em baixa concentração. Por essa razão, devemos ficar atentos aos hábitos básicos de higiene por parte do manipulador e das condições de higiene do local de venda de produtos alimentícios. Outra dica importante é higienizar todos os produtos adequadamente antes do consumo.

Voltar